Queda Capilar

A queda de cabelo é uma queixa comum nos consultórios médicos, podendo afetar até metade dos homens e mulheres ao longo da vida. Embora a queda capilar possa ocorrer em qualquer parte do corpo, a principal região acometida é o couro cabeludo.
As principais causas de queda dos cabelos são: doenças endócrinas, predisposição genética, doença sistêmica, medicamentos, alterações psicológicas, hábitos alimentares (dietas restritivas), trauma, infecções, doenças auto-imunes e alterações do fio de cabelo.
A investigação diagnóstica da queda de cabelo deve iniciar com uma detalhada história e exame clínico.

Quais são os sinais e sintomas da queda de cabelo?

O ciclo normal do cabelo compreende crescimento, queda e substituição. Cair alguns poucos fios por dia é normal e até necessário para que nasçam novos fios, mais sadios. Uma queda normal pode levar à perda de 100 a 150 fios de cabelos por dia. As pessoas normalmente falam que estão sofrendo “queda de cabelo” quando ao se pentearem percebem que vários fios de cabelo ficam agarrados no pente ou na escova ou então quando percebem fios de cabelo caídos espontaneamente sobre os ombros, os travesseiros, etc.

Como o médico diagnostica a queda de cabelo?
O médico baseia-se nas informações do paciente. A perda de até 100 a 150 fios por dia às vezes nem chega a ser notada pelo paciente. Quase sempre a queda, normal ou excessiva, é melhor observada durante o banho ou ao se pentear.

Para fazer o diagnóstico médico da queda capilar são necessários exames da bioquímica do sangue. Geralmente são realizadas dosagens hormonais (de hormônios da hipófise, da tireoide, da suprarrenal, dos ovários ou dos testículos) e de certas substâncias (ferro, zinco, cobre, vitaminas), as quais muitas vezes estão baixas. Se necessário, deve-se fazer uma biopsia do couro cabeludo.

Como o médico trata a queda de cabelo?
A queda de cabelos geralmente tem cura, principalmente nos jovens, quando o corpo conserva maior vitalidade. Um dermatologista deve ser consultado para orientar o uso de medicações de uso local ou por via oral, xampus ou cosméticos, sempre que necessário.

Como prevenir a queda de cabelo?
Medidas para prevenir ou diminuir a queda de cabelo nas mulheres (algumas delas válidas também para os homens):

  • Manter os cabelos sempre limpos. Eles não caem mais por serem lavados.
  • Use escovas de bolinhas nas pontas dos pinos, para massagear o couro cabeludo.
  • Procure não estressar-se.
  • Pratique exercícios físicos.
  • Não prenda os cabelos molhados.
  • Seque bem os cabelos antes de passar a “chapinha”.
  • Cuide do couro cabeludo evitando caspas, descamações, feridas e coceiras.
  • Evite bebidas alcoólicas e cigarro.
  • Alimentos contendo proteínas, zinco, selênio, cálcio, silício, ferro e vitaminas são benéficos.

Medidas para prevenir ou diminuir a queda de cabelo nos homens (algumas delas válidas também para as mulheres):

  • Corrija eventuais problemas médicos que estejam atuando como causa.
  • Use medicações para fortalecer o cabelo. Consulte um médico a respeito.
  • Procure informações com um dermatologista a respeito da estimulação dos folículos pilosos com laser.
  • Use alimentos com proteínas, zinco, selênio, cálcio, silício, ferro e vitaminas.
  • Use bebidas à base de mel, iogurte, banana e leite que fortalecem os cabelos.
  • Evite o estresse.

Caso você perceba que a queda natural diária dos fios está aumentando ou aumentou bruscamente, o ideal é procurar uma dermatologista para iniciar o processo de investigação da causa e então fazer o tratamento certo.

Devem ser investigadas causas hormonais, genéticas, uso de medicações, Dietas, entre outras causas.

FIT BODY PILATES - Clínica de Limpeza de Pele e Tratamentos Estéticos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *