Flacidez Abdominal

Flacidez Abdominal. Ondas de calor estimulam a produção de colágeno, refazendo as fibras de sustentação da pele

A flacidez atinge mulheres e homens e é resultado da falta de fibras de sustentação da pele, entre elas o colágeno e a elastina. O problema é decorrente do envelhecimento da pele, que naturalmente vai produzindo menos propriedades de sustentação do tecido. Cigarro, bebidas alcoólicas e alterações hormonais são fatores que podem potencializar essa falta de nutrientes e piorar a flacidez. Uma das áreas afetadas é justamente o abdômen.

Para combater a flacidez, existem procedimentos que agem exatamente na reposição dos dois componentes – colágeno e elastina – responsáveis pela firmeza da pele. Um deles é a radiofrequência Hooke, um dos tratamentos mais modernos e que oferece ótimos resultados.

A técnica é um tratamento consagrado baseado na emissão de ondas eletromagnéticas, que promovem o aquecimento superficial e profundo da pele, elevando-a a uma temperatura em torno de 42 graus. O calor causa um estímulo da produção de fibras colágenas e elásticas, bem como provoca aumento da circulação sanguínea e, desta forma, trata e previne a flacidez de pele. O objetivo do procedimento é melhorar a flacidez, embora também trate gordura localizada e celulite.

A pele é higienizada e um óleo vegetal é aplicado na área que será tratada. O aparelho vai deslizar somente onde houver o produto. O calor é distribuído na pele para que o tecido subcutâneo atinja 42°C por até 30 minutos. A temperatura da pele é monitorada durante todo o procedimento.

O calor provoca o estiramento imediato do tecido cutâneo e reduz os sinais do envelhecimento e flacidez no abdômen. O método é seguro e eficaz, já que o calor gerado não é desconfortável e não afeta o organismo. Muitas pacientes descrevem as sessões como relaxantes.

O tratamento na área dura 30 minutos, com frequência semanal e os resultados são percebidos logo na primeira sessão, na maioria dos casos, alcançando eficácia máxima no final de dez sessões. Após a aplicação, a pele pode ficar avermelhada, mas isso passa em algumas horas. Após o término da última sessão, o paciente deve refazer a radiofrequência, com manutenção mensal.

A quantidade de sessões varia de acordo com cada pessoa e é indicada mediante avaliação estética que irá considerar a idade da paciente e o grau de flacidez.

FIT BODY PILATES - Clínica de Limpeza de Pele e Tratamentos Estéticos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *